Em qualquer tipo de negócio é importante entender quais são as estratégias e investimentos que realmente estão trazendo resultados, assim é possível direcionar os gastos para àquilo que aproxima a sua empresa dos objetivos que deseja alcançar. Uma das métricas mais utilizadas para analisar esses fatores é conhecida como ROI (Return over Investment), entenda mais sobre o indicador e como utilizá-lo:

 

O que significa ROI?

ROI é uma sigla para a expressão Return over Investment, que traduzida significa Retorno sobre Investimento. Com essa métrica, é possível verificar se a empresa está ganhando ou perdendo dinheiro aonde está investindo. Dessa forma, o gestor pode mensurar os lucros e aplicar os gastos em campanhas e estratégias que dão maior retorno, além de pensar em melhorias nas áreas menos bem-sucedidas.

Como fazer o cálculo do ROI

Para calcular o ROI, basta seguir essa simples fórmula:

A fórmula funciona da seguinte maneira: ROI = receita gerada menos os custos, tudo isso novamente dividido pelos custos e multiplicado por 100. Veja o exemplo: 

Se o ganho total foi de 100.000 (receita) e houve um investimento inicial de 10.000 (custo), esse valor subtraído equivale a 90.000, que dividido pelo custo (10.000) resulta no número 9, ao multiplicar esse número por 100, é possível obtê-lo em porcentagem. Assim, neste exemplo houve 900% de retorno (ROI), ou seja, a cada 1 real investido, há R$9,00 de lucro.

A receita e o custo se tratam do que?

A receita é o valor total obtido após o investimento em determinada área, enquanto o custo refere-se a todos os gastos que a empresa precisa despender para obter esse retorno, que englobam desde softwares e anúncios até funcionários para realizar as tarefas.

Qual é a importância do ROI?

O exemplo utilizado acima supõe um resultado positivo, mas o cálculo também pode evidenciar resultados negativos, sendo assim, tendo esse número em mente, é possível analisar tópicos como:

  • Se investimentos altos trazem um retorno maior e vice-versa
  • Quais ações (ou ausência delas) podem ter influenciado no resultado, assim é possível repeti-las ou evitá-las;
  • Fazer a comparação do seu negócio em relação a média das empresas do mesmo segmento; os resultados são melhores ou piores? Dependendo da resposta, é possível se inspirar nas estratégias utilizadas pelos concorrentes.

Atenção para as limitações da métrica:

É importante levar em conta que o ROI não distingue intervalos de tempo diferentes, sendo assim, os 900% de retorno mencionados no exemplo podem considerar intervalos que variam de dias a anos, o que interfere diretamente na análise dos resultados; se esse retorno considerar um pequeno intervalo de tempo, é um resultado bastante positivo, mas se considera um grande período pode não ser tão bom assim. 

Outros fatores que devem ser considerados são os tipos de produtos e serviços ofertados, bem como ocasiões especiais que possam ter tido alguma influência no resultado. Em resumo, tenha sempre o bom-senso de analisar o cenário completo antes de fazer escolhas decisivas sobre qualquer investimento.

Se você gosta desse tipo de conteúdo, não deixe de acompanhar o blog da OC Publicidade para receber mais dicas sobre Marketing Digital. A agência utiliza a estratégia de funil de vendas para melhorar seus resultados e oferece serviços como criação de sites, SEO, gestão de redes sociais e envio de e-mail marketing, entre outros. 

Clique aqui para solicitar uma proposta personalizada de forma gratuita, a OC Publicidade recomendará a melhor estratégia para sua empresa vender mais! 

Deixe um comentário